Publicidade 1
Publicidade 1

Publicidade 14

Publicidade 14

Publicidade 15

Publicidade 15

Publicidade 16

Publicidade 16

Publicidade 17

Publicidade 17

Publicidade 18

Publicidade 18

Publicidade 19

Publicidade 19

Publicidade 20

Publicidade 20

Publicidade 21

Publicidade 21

Publicidade 22

Publicidade 22

Publicidade 23

Publicidade 23

Publicidade 24

Publicidade 24

Publicidade 25

Publicidade 25
Home » » Medeiros reúne especialistas que defendem medidas de incentivo à amamentação

Medeiros reúne especialistas que defendem medidas de incentivo à amamentação


O senador José Medeiros, líder do PPS, reunião especialistas que defenderam medidas para incentivar a amamentação. O encontro aconteceu nesta quinta-feira (03.03), na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).

José Medeiros é relator do Projeto de Lei do Senado (PLS 197/2013), que cria a Semana Nacional do Bebê e do Aleitamento Materno e inclui o dia 25 de agosto para ser dedicado à sensibilização da população sobre a importância do aleitamento materno. A proposta é de autoria do ex-senador e atual governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg.

Para o senador, não basta que os direitos sejam assegurados na Constituição e na lei, principalmente no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). “É importante que o cidadão tenha conhecimento dos seus direitos e dos direitos daqueles que lhe são próximos para exigir do Estado os serviços que lhe são inerentes. A nossa preocupação neste momento diz respeito às crianças nos seus primeiros passos, no desabrochar da existência por assim dizer”, salientou José Medeiros.

A data do dia 25 de agosto para a Semana Nacional do Bebê e do Aleitamento Materno foi escolhida como uma forma de homenagear Zilda Arns, médica pediatra e sanitarista, que se dedicou ao combate à mortalidade infantil. Ela nasceu em 25 de agosto de 1934 e faleceu em um terremoto no Haiti, em 12 de janeiro de 2010.

Vínculo – Segundo os especialistas presentes na audiência, crianças que são alimentadas com leite materno têm menos episódios de infecções e alergias. Também são menos propensas a desenvolver obesidade, diabetes, hipertensão e colesterol alto na vida adulta. O vínculo afetivo estabelecido entre a mãe e o bebê durante o aleitamento é outro benefício. No debate, foi ressaltada ainda a necessidade de garantia de licença-maternidade de 180 dias para todas as trabalhadoras.


Espalhe por ai :
Copyright © Barra News - Todos os direitos reservados
Barra do Bugres - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização