Publicidade 1
Publicidade 1

Publicidade 14

Publicidade 14

Publicidade 15

Publicidade 15

Publicidade 16

Publicidade 16

Publicidade 17

Publicidade 17

Publicidade 18

Publicidade 18

Publicidade 19

Publicidade 19

Publicidade 20

Publicidade 20

Publicidade 21

Publicidade 21

Publicidade 22

Publicidade 22

Publicidade 23

Publicidade 23

Publicidade 24

Publicidade 24

Publicidade 25

Publicidade 25
Home » » Taques participa de reunião do Fórum Permanente dos Governadores

Taques participa de reunião do Fórum Permanente dos Governadores

Governador vai defender moratória da dívida dos estados e municípios com a União


Mídia News

O governador Pedro Taques participa na próxima segunda-feira (01.02) em Brasília de reunião com os governadores dos outros 25 estados e do Distrito Federal. No encontro, os gestores vão propor uma agenda conjunta que visa o desenvolvimento econômico do país.

A reunião faz parte do Fórum Permanente dos Governadores, coordenado pelo Governo do Distrito Federal. Na oportunidade, Taques deve voltar a defender uma moratória para as dívidas dos Estados com a União. “Não é possível que a União Federal aja como uma administradora de cartão de crédito, em detrimento dos estados-membros. Os estados não aguentam mais serem os responsáveis pelo ajuste fiscal da União”, defendeu o governador.

No encontro, os governadores devem tratar ainda da retomada das operações de crédito que necessitam de autorização do Governo Federal. O Governo do Estado tenta destravar junto à União a liberação dos recursos do programa Pró-Concreto.

“Este será um ano difícil e a função do governador é concretizar políticas públicas, construir escola, hospitais, estradas, dar segurança ao cidadão e não ficar tratando só de folha de pagamento e fluxo de caixa”, declarou.

Também será discutido a possibilidade de utilização de recursos de compensação previdenciária a que os estados têm direito para abater dívidas com a União. Os governadores buscam ainda a liberação para que os Estados, o DF e os municípios possam cobrar das seguradoras de planos de saúde os atendimentos na rede pública de pacientes conveniados.

Já no sentido de permitir mais parcerias público-privadas, os governadores vão discutir e pedir a União a criação de um fundo garantidor para promover essas parcerias.

A penúltima proposta é a prorrogação dos prazos para pagamento de precatórios de cinco para dez anos e a aprovação de Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 74/2015, que permite a utilização de 40% dos recursos de depósitos judiciais para o pagamento de precatórios.

Em 28 de dezembro do ano passado, os governadores se reuniram em Brasília e cobraram do ministro Nelson Barbosa a regulamentação da proposta que mudou o indexador dos juros da dívida pública. No outro dia após a reunião, o Governo Federal editou o Decreto 8.616 atendendo a reivindicação e alterando o indexador.

Mato Grosso já fez a mudança no indexador da dívida, a proposta apresentada pelo Poder Executivo foi aprovada pela Assembleia Legislativa na autoconvocação extraordinária ocorrida há duas semanas.
Espalhe por ai :
Copyright © Barra News - Todos os direitos reservados
Barra do Bugres - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização