Publicidade 1
Publicidade 1

Publicidade 14

Publicidade 14

Publicidade 15

Publicidade 15

Publicidade 16

Publicidade 16

Publicidade 17

Publicidade 17

Publicidade 18

Publicidade 18

Publicidade 19

Publicidade 19

Publicidade 20

Publicidade 20

Publicidade 21

Publicidade 21

Publicidade 22

Publicidade 22

Publicidade 23

Publicidade 23

Publicidade 24

Publicidade 24

Publicidade 25

Publicidade 25
Home » » Ex-governador licitou pontes em regiões onde não havia rio

Ex-governador licitou pontes em regiões onde não havia rio

Segundo a Sinfra, ex-governador Silval licitou pontes em locais que não têm rios



O secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Duarte, afirmou que uma série de irregularidades cometidas pela gestão passada foi identificada pelo atual Governo, durante a elaboração de um plano diretor de logística para o Estado.

Como exemplo, Duarte citou algumas obras de pontes licitadas na gestão do ex-governador Silval Babosa em locais onde sequer havia rios.

“Descobrimos também pontes que não havia necessidade e poderiam facilmente serem substituídas por bueiros celulares, solução muito mais barata e simples para a transposição de um obstáculo”, disse.

Segundo o secretário, as ações que precisam ser desenvolvidas nos próximos anos para solucionar os gargalos logísticos do Estado foram apresentadas, nesta terça-feira (12), ao governador Pedro Taques (PSDB).

O estudo foi realizado pela Sinfra e as ações deverão ser executadas nos próximos anos, para fazer as ligações asfálticas entre municípios e dar mais competitividade aos produtos de Mato Grosso no mercado internacional.

Conforme Marcelo Duarte, foi feito um amplo levantamento da malha viária de Mato Grosso, com detalhes para que a Sinfra tivesse um diagnóstico preciso e pudesse planejar as ações.

“O plano diretor vai dar o norte de onde temos que investir. Vai apresentar onde cada real será mais bem utilizado”, afirmou.

Ele citou, inclusive, que o estudo constatou que a malha oficial do Estado é menor do que se imaginava, porque parte das rodovias tidas como estaduais ainda não foram repassadas oficialmente ao Governo do Estado, ou seja, ainda dependem de lei para a estadualização.

Fonte: MídiaNews - Foto: Marcus Mesquita/MidiaNews

Espalhe por ai :
Copyright © Barra News - Todos os direitos reservados
Barra do Bugres - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização