Publicidade 1
Publicidade 1

Publicidade 14

Publicidade 14

Publicidade 15

Publicidade 15

Publicidade 16

Publicidade 16

Publicidade 17

Publicidade 17

Publicidade 18

Publicidade 18

Publicidade 19

Publicidade 19

Publicidade 20

Publicidade 20

Publicidade 21

Publicidade 21

Publicidade 22

Publicidade 22

Publicidade 23

Publicidade 23

Publicidade 24

Publicidade 24

Publicidade 25

Publicidade 25
Home » » Comandante-geral da PM pede exoneração e Taques aceita

Comandante-geral da PM pede exoneração e Taques aceita

O coronel Zaqueu Barbosa, que deixa o Comando Geral da PM



O comandante-geral da Polícia Militar de Mato Grosso, coronel Zaqueu Barbosa, foi exonerado na tarde desta terça-feira (12). Segundo o Palácio Paiaguás, ele pediu para sair e o governador Pedro Taques (PSDB) aceitou.

No lugar de Zaqueu Barbosa assumirá o coronel Gley Alves, que até então chefiava o Comando Regional 1. Ele será empossado na próxima segunda-feira (18).

Nos bastidores, há rumores de que o secretário de Segurança, Fábio Galindo, teria exigido a saída de Zaqueu para continuar no cargo.

Ele era adjunto e assumiu a secretaria após Mauro Zaque entregar o cargo, no final do ano passado, por divergências na política de Segurança Pública.

Em nota, Zaqueu agradeceu a Taques pela "confiança" de ter permanecido 460 dias no cargo.

"Agradeço pelo governador ter proporcionado, ao final da minha carreira, a possibilidade de comandar a instituição que tanto amo. Agradeço também ao governador por ter dado condições da PM desenvolver seu trabalho, mesmo com as dificuldades financeiras que o Estado enfrenta. Por fim, agradeço a todos os policiais, do soldado mais moderno ao coronel mais antigo, pela dedicação e incansável trabalho de proteger o cidadão mato-grossense”, disse.

Taques também agradeceu o ex-comandante. "Não apenas pelo comando à frente da valorosa Polícia Militar, mas por anos em que ele vem exercendo a nobre missão de levar segurança e tranquilidade à sociedade. O coronel foi o esteio de toda a tropa no trabalho de realizar o policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública, por meio de ações planejadas e coordenadas, que resultaram em mais segurança e menos violência em Mato Grosso”, disse.

Fonte: MìdiaNews - Foto: Marcus Mesquita/MidiaNews

Espalhe por ai :
Copyright © Barra News - Todos os direitos reservados
Barra do Bugres - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização