Publicidade 1
Publicidade 1

Publicidade 14

Publicidade 14

Publicidade 15

Publicidade 15

Publicidade 16

Publicidade 16

Publicidade 17

Publicidade 17

Publicidade 18

Publicidade 18

Publicidade 19

Publicidade 19

Publicidade 20

Publicidade 20

Publicidade 21

Publicidade 21

Publicidade 22

Publicidade 22

Publicidade 23

Publicidade 23

Publicidade 24

Publicidade 24

Publicidade 25

Publicidade 25
Home » » Em MT, menores atropelam e matam adolescente por ciúmes de garota

Em MT, menores atropelam e matam adolescente por ciúmes de garota

Dorian Pereira Arino foi atropelado na rua da casa dele (Foto: Arquivo pessoal)


Um adolescente de 16 anos foi atropelado propositalmente e morto por outros dois menores, também de 16 anos, em Querência, a 912 km de Cuiabá, segundo a Polícia Civil. O crime ocorreu na noite de terça-feira (20) e os adolescentes foram identificados e apreendidos nesta quarta-feira (21) em uma oficina mecânica quando tentavam arrumar o parabrisa do veículo, que ficou danificado depois do atropelamento.

Dorian Pereira Arino andava de bicicleta pela bairro onde morava com a família quando foi atropelado. Depois de atropelarem o adolescente, a dupla voltou ao local e, como ele ainda agonizava, deram nove facadas na vítima, de acordo com a Polícia Civil. Depois de matá-lo, pegaram o corpo e o jogaram perto de uma chácara.

De acordo com a polícia, os dois adolescentes confessaram a autoria do crime. Um deles disse, em depoimento, que decidiram cometer o assassinato por ciúmes da namorada de um deles com Dorian.

O carro usado no crime pertence ao irmão de um deles. "Eles aproveitaram que o irmão tinha viajado para Água Boa e pegaram o carro e usaram para o crime", afirmou o investigador da Polícia Civil, Marcos Custódio.

Carro atropelou adolescente em rua quando vítima voltava da escola (Foto: Polícia Civil/ Querência-MT)


O corpo foi encontrado por volta de 14h desta quarta-feira após a família denunciar o desaparecimento do adolescente. "O tênis dele, o caderno e um bonê ficaram no local do atropelamento, que também tinha marcas de sangue, já imaginamos que algo mais grave poderia ter ocorrido e começamos a fazer diligências", afirmou.
Um deles já tinha frequentado a nossa casa"
Sidnei Arino de Souza, pai da vítima

A polícia chegou até eles após depoimentos de testemunhas, que relataram que o adolescente tinha tido uma desavença com um dos adolescentes por causa da namorada de um deles. "Anteriormente, a menina [de 15 anos] tinha terminado com o suspeito e, durante período de separação, ela teria mantido contato com a vítima", contou o policial.

O pai de Dorian, Sidnei Arino de Souza, disse que não sabia dessa desavença com os adolescentes suspeitos do crime e que um deles, inclusive, já tinha frequentado a casa da família. "Um deles era amigo do meu filho e já frequentou a nossa casa", afirmou.

Ele disse que, na noite do assassinato, não ouviu nenhum barulho. "Acho que ele deve ter desmaiado, porqu, se tivesse acordado, teria gritado e nós teríamos ouvido", lamentou. Segundo ele, Dorian, que cursava o 1º ano do ensino médio, tinha muitos amigos e era querido por todos.

Os menores foram apreendidos e encontram-se na Delegacia da Polícia Civil de Confresa, aguardando a liberação de vagas para a internação.

Fonte: Do G1 MT
Espalhe por ai :
Copyright © Barra News - Todos os direitos reservados
Barra do Bugres - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização